Revista Brotéria

  

Janeiro de 2018 Volume 186

 Descarregar PDF Voltar


1  Editorial
António Júlio TRIGUEIROS SJ
2  Património Cultural - Identidade e Diferença
Guilherme d’Oliveira MARTINS
3  Sobre as Fronteiras Externas e Internas da União Europeia
Annette Bonghardt e Francisco Torres
4  Desafios Éticos da Inteligência Artificial
Bruno NOBRE SJ
5  Jerusalém, cidade santa-zona de guerra
David NEUHAUS SJ
6  Daniel Callahan, um filósofo moral
Walter OSSWALD
7  O Abade de Baçal e Monsenhor José de Castro - entre ilustres nordestinos
Henrique Manuel PEREIRA
8  Aires Mateus – A Arquitetura como vocação – A propósito do Prémio Pessoa 2017
Ana Magalhães e Pedro Belo Ravara
9  Wim Wenders - a redenção da realidade física
Pedro MEXIA
10  Obras Pioneiras da Cultura Portuguesa
António BARRETO
11  CADERNO CULTURAL


Revista Brotéria

Conselho de Direcção e de Redacção

Contacto António Júlio Trigueiros, SJ
Director
Contacto
Contacto António Vaz Pinto, SJ

Contacto
Contacto Vasco Pinto de Magalhães, SJ

Contacto
Contacto Francisco Sassetti Mota, SJ

Contacto

Conselho de Redacção

Contacto Carlos Capucho

Contacto
Contacto Carlos Maria Bobone

Contacto
Contacto Francisco Malta Romeiras

Contacto
Contacto Francisco Sarsfield Cabral

Contacto
Contacto Guilherme d'Oliveira Martins

Contacto
Contacto Henrique Leitão

Contacto
Contacto Joaquim Sapinho

Contacto
Contacto Manuel Braga da Cruz

Contacto
Contacto Margarida Neto

Contacto
Contacto Miguel Corrêa Monteiro

Contacto

Índice Outubro 2018

 Descarregar PDF

OUTUBRO 2018 - O Jesus muçulmano: elementos para uma cristologia corânica

Em 2017, Mustafa Akyol publicava o The Islamic Jesus, avançando uma tese incomum: para se reformar, o islão precisa de se recordar do Jesus muçulmano.  Paulo teria desviado as comunidades primitivas, judeo-cristãs, do seu monoteísmo original, através da divinização de Jesus. 

Ler artigo

AGOSTO/SETEMBRO 2018 - Editorial: Tempo e espaço, unidade e conflito

Quando em 2013, o Papa Francisco postulava na exortação apostólica Evangelii Gaudium alguns princípios de discernimento aplicados à evangelização, estava certamente longe de saber como eles se aplicariam ao momento doloroso que a Igreja está a viver, com o recrudescer das revelações relativas aos abusos sexuais perpetrados ao longo de décadas por parte de membros do clero, em numerosas dioceses, agravadas por uma politica de silenciamento e encobrimento que se revela intolerável em qualquer instituição de b

Ler artigo

You are here: Página Inicial